-->

domingo, Setembro 30

Knitwear love

1, 2, 3, 4, 5, 6
Há quem ame o inverno, há quem o deteste. Eu ando ali no meio. Prefiro a primavera! Onde tudo se recupera, nasce e floresce. Mas, para lá chegar, temos que enfrentar o verão, o outono e o inverno - provavelmente o mais custoso... 
Acabamos de chegar à estação das folhas, é verdade, mas no que toca a compras, é agora que devemos investir em roupa quentinha, não seja seja demasiado tarde quando percebermos que o nosso armário ainda está cheio de mangas curtas e tecidos finos! Por isso meninas, toca a pôr mãos à obra e renovar o armário! Não seria má ideia o preencher com estas camisolinhas da Sheinside, pois não? Não percam tempo e participem na giveaway a decorrer! Estão em jogo 50$, um colar e ainda um prémio surpresa! Uma destas camisolas pode ser vossa! Qual seria a vossa eleita? :-) 

sábado, Setembro 29

London for dummies II

E porque ficou muito por ver e por dizer na primeira parte, aqui fica mais um bocadinho de Londres.
Espero que gostem & boa viagem!


Como vos disse na primeira parte, há na cidade uma enorme variedade de restaurantes. Sejam de fast food, de comida tipicamente europeia, brasileira, italiana, chinesa... Têm muito por onde escolher. Se não quiserem perder muito tempo em filas nem gastar muito dinheiro, aconselho-vos a ir a um supermercado, como o Tesco. Foi lá que tomei o pequeno almoço, almocei e jantei a maior parte das vezes. A parte da padaria é absolutamente deliciosa e dá vontade de levar tudo para casa. Podem facilmente comer bem por apenas 3£. O Pret a Manger é igualmente uma opção boa e económica. 


E para os amantes de café e batidos, não se preocupem, há um Starbucks em cada esquina! Não vos vão faltar opções.


Se querem conhecer cada canto da cidade, o meu maior conselho é que levem calçado confortável. Sapatilhas de corrida de preferência. Eu cometi um enorme erro em levar umas sapatilhas a estrear e arrependi-me imenso. Andei kilómetros e kilómetros por dia e apesar da cidade ser plana, chegava ao fim do dia exausta. Mas que valia a pena? Oh se valia! 


Outro dos cuidados que devem ter em atenção são os vossos pertences. Especialmente em sítios muito movimentados como os mercados, agarrem bem as vossas carteiras e não andem com bens de valor muito à vista ou sujeitam-se a ser roubados. O Camden Market por exemplo, era a loucura total! Se tiverem paciência e quiserem fazer compras, é lá o lugar indicado. Desde imitações de Litas a creepers, a roupa gótica, peças vintage... Lá podem encontrar de tudo um pouco!


O Palácio de Buckingham, a Trafalgar Square, a St.Paul's Cathedral, o Hyde Park, Westminster, (entre muitos outros) são lugares obrigatórios a passar! São todos perto um dos outros pelo que podem dedicar uma tarde só para os conhecer.

Milleunnium Bridge 
St. Paul's Cathedral
Junto ao famoso Big Ben
Westminster 
Aconselho aos amantes de compras (com a carteira recheada):
O centro comercial mais famoso, (caro) e glamoroso de Londres, o Harrods. 

Para os amantes do futebol (como o meu irmão): 
Os estádios mais conhecidos, como o Arsenal e o Chelsea.
Emirates Stadium - Arsenal
Stamford Bridge Stadium - Chelsea

Para os amantes de Harry Potter (como eu):
A estação de King's Cross, para tirarem uma fotografia na célebre Plataforma 9 3/4!

Para os amantes da natureza (como eeeu):
Os muitos parques! Eu visitei o Green Park, o Regents Park, o St James Park e claro, o Hyde Park.
Se há coisa que me fascinou em Londres foi o facto de, apesar de ser uma cidade cheia de lojas, carros, empresas e comércio, há também vários espaços verdes, onde nos podemos abstrair da azáfama do dia-a-dia. 
Até nos próprios museus, havia jardins onde toda a gente se reunia para lanchar ou para relaxar.

Victoria and Albert Museum

O melhor dos parques e jardins: os animais mais fofos do mundo... Os esquilos!

Passei muitos bons momentos na relva a socializar com eles! Podia ficar horas e horas só a observá-los...  Rendi-me completamente! Eles só queriam bolotas e eu só queria agarrá-los e levá-los para casa para os encher de miminhos.


Como ainda tenho 17 anos e sou menor de idade, não pude gozar muito da cidade à noite. Mesmo assim, fiquei ligeeeiramente chocada com a maneira que as raparigas se vestiam (e ofereciam)... Era a autêntica pura da loucura para os jovens! Aconselho-vos a irem a Westminster à noite para verem ou, quem sabe, dar uma volta no London Eye iluminado.


Se quiserem conhecer melhor a cidade, podem sempre andar nos autocarros turísticos, contratar um guia ou como eu, aproveitar também para dar um passeio de barco pelo rio Tamisa. É uma viagem muito bonita, agradável e económica (se tiverem o Oyster fica por apenas 4£ desde Westminster a Greenwhich) que passa pelos principais pontos da cidade. 


Muito resumidamente... Londres é uma cidade incrível. Fiquei absolutamente rendida à diversidade de estilos e etnias. Lá toda a gente veste aquilo que quer, sem ser vítima de olhares preconceituosos, como ainda acontece em Portugal. Há gente de todos os cantos do mundo! Sejam japoneses, indianos, europeus, americanos, loiros, morenos... Há de tudo e mais um pouco. É o mundo numa só cidade. O meu desejo é que também vocês um dia possam usufruir desta experiência! Aconselho-a todos vocês! Espero que tenham gostado de conhecer Londres pela minha lente.
Caso tenham alguma dúvida, disponham meus amores. 

sexta-feira, Setembro 28

Friday I'm in love #31

1 & 2
O bordô (ou burgundy à-la-fashion-blogger) é sem dúvida a cor da estação! Assim que vi as cunhas da última publicação à venda, imaginei-as num conjunto prático, quentinho e confortável, com o bowler hat da foto como cereja no topo do bolo.
 E porque não podia deixar as minhas novas botinhas sozinhas, a camisola e o chapéu da Oasap já estão a caminho do meu armário, prontos para a ajudar-me a enfrentar os dias mais frios! E vocês meninas, já se renderam a esta cor? 

quinta-feira, Setembro 27

Boots are winter's best friend


Parece que já tenho companhia para os meus dias de inverno.

terça-feira, Setembro 25

London for dummies

Trago-vos finalmente, algumas fotos da minha estadia em Londres, a nova cidade do meu coração. Toda a gente merecia ir lá pelo menos uma vez na vida! Foi graças a uma surpresa dos meus pais que eu e o meu irmão pudemos usufruir desta grande oportunidade. Por isso, um obrigada gigantesco aos melhores pais do mundo! Pediram-me para fazer uma espécie de roteiro, tendo em conta a minha experiência pessoal, por isso aqui fica. Espero que um dia, quem sabe, vos seja útil! :-)


Antes de viajar, é preciso ter alguns cuidados. Tais como o tipo e quantidade de roupa apropriado para a altura do ano, o peso/medidas da mala para levar no avião, adaptadores de tomadas, cartão de saúde para se vos acontecer alguma coisa... E caso sejam menores de idade, como eu, a autorização de saída do país assinada pelos vossos responsáveis. 

Partimos dia 12 de setembro. Ficamos hospedados no hostel mais central de Londres, o Piccadilly Backpackers. Caso estejam à procura de uma pousada simpática, acessível, perto de todos os pontos principais da cidade e cheia de gente gira de cada canto do mundo, então aconselho-vos a lá ficar. A menos de 1km têm supermecados, o MacDonalds, uma loja de quatro pisos de M&Ms, restaurantes... E mesmo ao pé, está a famosa Oxford Street: a perdição de qualquer blogger!

Praça Piccadilly Circus

Quando digo blogger, digo qualquer apaixonado por moda! Lá podem encontrar lojas como Topshop, Forever 21, Urban Outfiters, H&M, Zara, GAP, Apple Store, COS... Tudo que podem imaginar numa versão ampliada. Não fazia ideia que lá as lojas eram tãaao grandes, todas com mais de 3 pisos! Conseguem imaginar algo desta dimensão em Portugal? 


Um dos principais factores que me fez apaixonar (ainda mais) por Londres, foi o facto de ser uma cidade tão limpa e organizada. Fui numa época muito boa - depois dos Jogos Olímpicos - por isso a segurança estava reforçada e a limpeza e o cuidado nas ruas eram mais do que evidentes. Não havia um papel no chão, nem uma única buzina ou confusão na rua! 


Foi de metro que percorri os pontos principais da cidade, com o Oyster card (27£, ao fim devolvem 5£ - o preço do cartão), que nos permitia fazer as viagens (de metro, autocarro e comboio) que quiséssemos dentro de determinadas zonas. As linhas são extremamente organizadas, de maneira a que podemos chegar a qualquer sítio rapidamente. Os típicos autocarros vermelhos embora mais demorados, também são uma boa opção para quem quer conhecer a cidade.


Se há coisa que não falta em Londres, são locais para visitar. A cidade é abastada em museus, monumentos e cultura! E o melhor disso, é que estão abertos ao público, a maior parte deles de graça! Eis as 10 maiores atrações que podem visitar:

1. Museu britânico
É gratuito e enorme! Lá podem encontrar tudo e mais alguma coisa, dos mais variados pontos do mundo. O museu abriga mais de 13 milhões peças histórias de toooda a humanidade (incluindo múmias!). Sem dúvida que vale a pena visitar!


2. Tate Modern
O Tate Modern é um museu de arte moderna internacional gratuito que apesar de constar em segundo lugar no top das 10 atrações não apreciei muito... Penso que era um pouco desorganizado e confuso.

3. National Gallery
Situado na bonita Trafalgar Square, este museu (gratuito) reúne algumas das mais belas pinturas do planeta de grandes artistas como Picasso, Botticelli, Monet e Van Gogh. Verdadeiramente fantástico... Gostei muito!

4. Museu de História Natural
Também gratuito, é aqui que poderão ver diversas coleções interessantes, exposições e muitos dinossauros! Rawr!


5. London Eye
O London Eye é um dos pontos turísticos de Londres mais recente, famoso e visitado em Londres. A terceira maior roda gigante do mundo dá-nos uma vista incrível sob toda a cidade. Apesar dos bilhetes não serem propriamente baratos, tal como o Museu Madame Tussauds, é uma experiência única e imperdível. 


6. Science Museum
Este museu (entrada livre) conta a história da ciência através de experiências, fotos, vídeos... 
Com engenhocas, foguetões e muitos astronautas pelo meio. É divertido e interessante.

7. Victoria and Albert Museum
Tanto o Natural History Museum, como o Science Museum e este, são na mesma rua, pelo que se visitam facilmente no mesmo dia. O museu V&A foi dos três o meu preferido! É o maior museu de design do mundo e reúne pinturas, gravuras, acessórios de moda, roupa (Chanel, D&G, Alexander McQueen...), jóias, fotografias... E mais uma vez, também é gratuito.


8. Museu de Cera Madame Tussauds
O meu preferidooooooo! A par do London Eye são as únicas atrações que se pagam mas garanto-vos que é dinheiro bem gasto! Fiquei absolutamente maravilhada com o espaço, do início ao fim! Fui numa altura com uma parte dedicada aos super heróis Marvel, por isso tive a oportunidade de ver um filme 4D também muito divertido. Aconselho-vos vivamente!


9. Museu Nacional Marítimo
Apesar de ser gratuito, não tive interesse em visitar este museu. Mas fica a dica para os amantes do oceano!

10. Tower Bridge
Aconselho-vos também a visitar a Torre de Londres, um monumento lindíssimo com muita história.


Foram seis dias absolutamente incríveis dos quais reti muita coisa, incluindo 1300 fotografias! Ainda tenho muito para vos mostrar por isso, brevemente partilho convosco mais um bocadinho desta minha experiência, abordando outros assuntos e momentos. Espero que estejam a gostar de conhecer Londres através da minha lente! Até o próximo post :3